HORA DE RELAXAR

Feche os olhos e respire em seu coração

 
ENTENDA COMO FUNCIONA

A Sessão de Atendimento

A proposta durante a sessão é que a pessoa consiga relaxar, respirar calmamente e encontrar um lugar interno seguro para repousar. Que ela retorne para casa com algo de muito positivo em seu campo, promovendo maior clareza sobre si e que lhe traga algum bem-estar. Cada pessoa irá responder à Terapia Sonora diferentemente de acordo com suas necessidades (conscientes e inconscientes) no momento de vida atual. É até difícil explicar o que acontece exatamente durante a sessão e muitas pessoas tem dificuldade de colocar em palavras as experiências vividas. As paisagens sonoras criadas são capazes de transportar e evocar momentos ricos e únicos de intimidade.

 

No campo das energias vibracionais a fala perde força para dar lugar ao indizível. Essa abordagem tenta expandir os sentidos internos e principalmente abrir a escuta, tocar as sutilezas e reverenciar o oceano de silêncio no qual as ondas sonoras viajam. Dessa forma, trata-se de uma terapia complementar à psicoterapia, onde a fala tem papel fundamental, uma vez que atua como veículo organizador da consciência e revelador de processos ainda inconscientes. Contudo, considero a terapia vibracional mais potente (no que se refere ao tempo dos processos), pois adentra e penetra reinos no íntimo do Ser que estão além das palavras e inclusive, além da mente concreta. O propósito último da terapia é lembrar a pessoa de sua matriz sonora única e universal, expandir sua escuta intuitiva, para que ela possa retornar ao centro de si sempre que desejar.

DE FORMA DIDÁTICA ALGUNS PROTOCOLOS SÃO SEGUIDOS DANDO COERÊNCIA E CADÊNCIA AO TRABALHO. NO VÍDEO ABAIXO EXPLICO RESUMIDAMENTE CADA ETAPA DO ATENDIMENTO.
Um espaço dedicado ao cuidado da Beleza de Ser

Eleva

O QUE ACONTECE DURANTE A SESSÃO?

Limpeza Energética

Cada pessoa chega de um lugar diferente, em contextos distintos e com energias variadas. O primeiro acolhimento é feito promovendo-se uma limpeza dos corpos etérico e emocional através de uma defumação. É uma prática muito eficaz que ajuda na harmonização da aura e a dissolver energias negativas. Nas tradições antigas a defumação era feita antes de se abrir uma cerimônia de cura. A sálvia branca é queimada dentro da concha de balone conforme a tradição indígena do norte. 

Aterramento

Vivendo na cidade acabamos perdendo o contato com a terra, com os pés sempre cobertos e "protegidos". A finalidade do aterramento consiste em trazer novamente essa sensação de enraizamento e contato. São utilizados cristais de quartzo transparente, turmalina negra e magnetita cada qual com sua função. Esse contato libera íons negativos que são absorvidos pelo campo magnético da pessoa causando uma sensação de bem-estar e energização. Um escalda-pés com cristais e um blend de essências é feito se necessário.

Leitura da Voz

A leitura consiste em fazer uma análise espectrográfica da voz da pessoa utilizando-se uma tecnologia específica capaz de sinalizar quais  notas ou harmônicos estão em falta ou em excesso na assinatura vocal. Cada nota está ligada a um chakra e uma função do corpo. Nossa voz é nossa matriz de poder, quando algo na voz não vai bem, isso se reflete por todo o sistema. A Bioacústica Humana compreende a voz como uma assinatura individual capaz de fornecer informações preciosas sobre nossa saúde.

Convite à Intenção

Essa parte do trabalho é fundamental pois a intenção focalizada e manifesta irá matizar todo o campo energético durante o atendimento. A pessoa é convidada a escrever no papel sua intenção. Depois esse testemunho é valorizado em gráficos radiestésicos e utilizado para compor a mandala feita com cristais que irá magnetizar a água que a pessoa levará para casa ao fim da sessão. Quando trabalhamos com intenção é importante buscar um alinhamento com o coração e permanecermos abertos e receptivos seja qual for o resultado.

Absorção de Prana

Dependendo do caso, antes da pessoa se acomodar no colchonete para receber a massagem sonora, são conduzidos alguns movimentos corporais juntamente com exercícios de respiração consciente (pranayamas) para desbloquear e energizar o sistema da pessoa de forma que facilite assim o relaxamento e a assimilação dos efeitos dos sons produzidos. Muitas vezes as pessoas chegam tensas do trânsito, do dia corrido e não percebem o nível de tensão corporal em que se encontram. É uma prática para trazer a presença para o corpo.

Massagem ou Banho Sonoro

A massagem começa com o toque de uma tigela que possui a nota musical ligada ao mantra OM, em reverência ao Supremo. Depois, as tigelas de cada chakra são ressoadas individualmente. A composição dos sons e dos intervalos produzidos é única e atende a necessidade específica de cada pessoa, com base na anamnese, na leitura da voz e os chakras a serem alinhados. É aplicado Reiki potencializado pelas taças de cristal. Diapasões são usados em pontos específicos e de reflexologia como pés, mãos e cabeça. A voz também é utilizada para trazer cantos xamânicos, canto harmônico, mantras sagrados e vogais de poder. A pessoa muitas vezes é convidada a trabalhar a voz a partir dessas práticas. Músicas e tons binaurais e isocrônicos também são tocados durante a sessão conforme a necessidade.

Água Estruturada & Geometria Sagrada

O tratamento com os sons é complementado com a confecção de um conjunto de três águas. A primeira é criada utilizando-se água estrutura preparada previamente sob a energia de forma da pirâmide de Khufu, feita nas mesmas medidas sagradas do cubit com cobre eletrolítico. A água descansa em cima do gráfico radiestésico criado com base no trabalho de Marcel Vogel. Essa água a pessoa irá beber ao final da sessão. A segunda água é feita dentro da tigela de quartzo afinada em 432Hz que é tocada durante a sessão. A tigela fica dentro de uma mandala da Flor da Vida gradeada com cristais. A água é impregnada magneticamente com o poder do som e com a intenção da pessoa. Essa água será levada para casa em uma garrafa de 1,5L onde a pessoa fará o uso durante sete dias.

Essência Sonora & Cristal

A terceira água é preparada utilizando-se a água de dentro das tigelas de cristal transparente. É um elixir, como as essências florais, só que feito a partir da impregnação da energia do som das tigelas. No caso, uma das sete notas musicais e da energia do cristal correspondente ao chakra em questão. Com base no resultado da análise da voz, por exemplo, se a pessoa apresentar falta da nota Dó, a essência será feita com a água da tigela correspondente a essa nota e o cristal será o de quartzo fumê que trabalha o chakra da raiz. A essência é consumida entre 1 e 3 meses. Dessa forma a pessoa recebe um tratamento completo de curto, médio e longo prazo. A primeira água irá trabalhar mais o físico, a garrafa irá trabalhar o emocional e a essência, por estar diluída, irá trabalhar os corpos ainda mais sutis.

Partilha

Aproximando-se do final, são reservados alguns minutos, sempre dependendo das necessidades que a pessoa apresentar, para uma conversar, para compartilhamento de impressões, sensações, questões que vierem à tona para serem trabalhadas. É o momento para uma breve colheita e avaliação da questão que havia sido colocada no início da terapia. Trabalhando dentro de uma abordagem transpessoal, a pessoa é acolhida, escutada em suas necessidades, dificuldades e desafios criando um ambiente seguro e de confiança para se expressar.

Oráculo

Por fim, não é obrigatório, mas se a pessoa se interessar pela energia dos oráculos é possível receber uma dica do Tarot ou das Cartas do Coração, sobre quais os possíveis movimentos que a energia da Vida está lhe pedindo para fazer ou pelo menos tomar consciência. O Tarô da Fraternidade Branca é utilizado de forma que cada Mestre ou Raio representa uma energia arquetípica, que já está presente em sua vida ou que está querendo se manifestar. As Cartas do Coração trabalham com as 12 qualidades desse centro de inteligência amorosa. Cada qualidade contém um pensamento-semente e um convite de trabalho no sentido de por em uso ou desenvolver tal qualidade.

"Cada personalidade humana é como uma peça de música,
possuidor de uma nota individual e de um ritmo próprio."
 
O ATENDIMENTO

Individual

O trabalho com o som é um fino tecer onde tenta-se produzir paisagens sonoras capazes de promoverem um alinhamento energético e consequente bem-estar. O físico, o emocional, o mental e o espiritual são trabalhados de forma que se integrem dando forma à um centro coeso de onde a pessoa pode dirigir de forma autônoma e responsável sua vida e suas escolhas. É uma abordagem que funciona tanto de forma pontual, ou seja, a pessoa é acolhida em sua necessidade em apenas uma sessão, porém os benefícios são maiores quando existe uma periodicidade nos atendimentos, já que a cada sessão as camadas vão se abrindo e o poder terapêutico das tigelas e de outros instrumentos vão penetrando mais profundamente. É um trabalho de abertura de escuta, de observação da presença e autoeducação da consciência sobre a voz e outros sons internos. Assim, ao longo do processo terapêutico caminho com a pessoa para que ela consiga, caso deseje:

Meditação: aprimorar sua prática em meditação e sua concentração
Estresse: técnicas de relaxamento e respiração consciente
Bija mantras: aprender a equilibrar os chakras a partir da vocalização de mantras específicos
Voz: vocalização de vogais sagradas e de canto harmônico
Escuta: desenvolver a audição para captar as nuances dos sons ao redor
Saúde física: formas de aprimorar o sistema imunológico utilizando os cristais
Voz: consciência sobre o poder da palavra, da intenção e invocação
Música: dicas sobre como utilizar tons isocrônicos e binaturais para estimular o cérebro
Água estrutura: dicas de como produzir a própria água magnetizada com o poder do som
Corpo emocional: aprender a reconhecer, escutar, aceitar e utilizar as emoções a seu favor

Esses são alguns exemplos das possibilidades que esse trabalho abre para a pessoa explorar em seu caminho de autoconhecimento. Vale a pena enfatizar que cada atendimento é criado de forma personalizada e os sons e frequências produzidos durante a sessão são específicos para aquele indivíduo. Como é uma experiência interna e intensa, da ordem do subjetivo, o ideal é experimentar mesmo e sentir se esse tipo de trabalho tem ressonância com você.

 
CRIANDO NOVA RESSONÂNCIA

Em Casal

Todo o percurso descrito acima, de forma geral, vale para os atendimentos em casal. A mudança não acontece muito na forma, mas sim no propósito. A questão a ser trabalhada é colocada por ambos de forma que remeta ao relacionamento. Poucos casais tem o hábito de criarem um ambiente seguro para refletirem de forma honesta sobre as questões conjugais. A Eleva tem a proposta de tentar criar esse espaço onde a comunicação transcenda o nível conhecido das falas mentais e polarizadas nos respectivos egos. É no nível vibracional, principalmente na frequência do chakra cardíaco que a atmosfera é criada para acolher o que quer que esteja presente como uma questão do casal. No fundo, é uma questão de ressonância e que pode ser reestabelecida com a ajuda do som.

 

São utilizados cristais específicos para este tipo de trabalho como os cristais biterminados, alma gêmeas e a esfera, além de grades cristalográficas que trabalham os corpos emocionais, muitas vezes cansados e desgastados pelo embate que é travado entre os egos. O som é a linguagem universal, assim como a matemática: som é matemática. Com essa ferramenta uma interação entre as almas pode ser intermediada para que a relação ascenda para uma oitava superior trazendo novos aprendizados. Toda e qualquer relação acaba se tornando um espelho onde podemos finalmente ver e entrar em contato com partes que precisam ser atendidas e integradas (curadas).

O melhor presente que uma pessoa pode dar para seu amado é uma escuta ativa e amorosa, com olhos nos olhos e uma fala sem medo de julgamentos. O ponto é que se ela não aprendeu a escutar nem a si, será difícil se abrir para o outro. Portanto, o trabalho começa no nível individual e transborda, quando houver suficiente empatia, para o âmbito do casal. 

 
A TERAPIA SONORA

Para Gestantes

Esse é um trabalho que a muito tempo venho querendo desenvolver. A Terapia do Som para as mulheres que estão em gestação, vejo como um presente para a humanidade, já que esses pequenos seres que estão em formação irão viver uma experiência profundamente íntima e acolhedora através da massagem sonora. O primeiro sentido que se desenvolve no feto é a audição. Ainda dentro do útero a partir dos 6 meses e meio já é capaz de ouvir. Com o tempo passar reconhece a voz da mãe e ainda mais a do pai. Porém o som mais intenso e presente é do coração de sua mãe. Por nove meses cada ser humano que entra na Terra é bombardeado pelo som constante deste centro de amor. Pensando nisso, o trabalho com as mulheres foi criado para acolher os dois lados:

A mulher: 

A mulher em gestação passa por profundas transformações em todos os níveis. Ela é bombardeada por hormônios que irão alterar o corpo e as emoções, e as vezes até sua lógica de raciocionar. Passa a se estranhar, sente todos os piores sentimentos – medo, desamparo, abandono, confusão, raiva, desespero, insegurança – e claro que coisas boas também, mas na sociedade em que vivemos, pela repressão, ela acaba se calando e muitas vezes vive sozinha todas essas cargas emocionais. A terapia proposta tem por objetivo proporcionar momentos de relaxamento, de quietude e conforto para ela.

 

O som é um poderoso estímulo para a liberação de hormônios do bem-estar que fortalecem o sistema imunológico, atuam como analgésicos naturais aliviando as dores e combatem os hormônios do estresse. O som também atua fortemente sobre os ossos, articulações e estruturas cristalinas do corpo criando uma ressonância capaz de ajudá-lo nas transformações que está passando para acomodar essa nova vida.

 

O trabalho se extende para o nível emocional ajudando ela a se manter equilibrada, controlar a ansiedade e os fluxos emocionais inconstantes. Através de meditações guiadas, a mulher é convidada a refletir sobre sua vida, sua relação com os pais, sua criança interior, sua relação afetiva, tudo de forma muito cuidadosa e respeitando o tempo da pessoa. Dessa forma, ela vai se preparando melhor para viver o iminente luto que ocorrerá com o nascimento de seu filho e da "entidade" mãe, só que com menos turbulência e mais auto-observação. Esse é um dos maiores presentes que uma gestante pode receber nesse período tão especial.

A criança:

O primeiro ponto a ser mencionado é que tudo que for bom para a gestante, será bom para a criança. Assim se essa mulher recebe uma descarga de hormônios benéficos à saúde durante a sessão de massagem sonora, o feto também será impactado. Se ela conservar um estado emocional tranquilo e regular, isso irá passar uma mensagem de segurança para a criança também. A preocupação não deve ser apenas com a dieta ou os hábitos nocivos. Na abordagem vibracional e integrativa a qualidade dos pensamentos nutridos e das emoções alimentadas tem tanto peso quanto a comida que é colocada para dentro do organismo.

O som muda sua velocidade de propagação de acordo com o meio. No ar à uma temperatura de 20º C o som viaja na velocidade de 343 m/s. Na água ele viaja 4 vezes mais rápido, 1484 m/s. Isso significa que o feto sente as ondas sonoras com maior intensidade de amplitude estimulando todas as suas células em desenvolvimento. O som é capaz de ajudar na formação dos ossos e tecidos, estimular harmonicamente o DNA e o novo corpo que está em formação. Principalmente com a ajuda dos hormônios do bem-estar, e neste caso particular, da ocitocina liberada pelo cérebro da mãe.

Essa terapia aos poucos vai construindo uma relação de intimidade entre a mãe e seu filho de forma que ao nascer o "bonding" ocorra naturalmente minimizando a temida depressão pós-parto.

Parto domiciliar:

A Eleva está interessada em acompanhar essa mulher ao longo de toda sua gestação até o momento épico do nascimento de seu filho. Para casais que optam por receber a criança no aconchego de seus lares, existe o serviço de "doulo sonoro". Isso quer dizer que alguns instrumentos com as tigelas, taças e diapasões, tambores são levados até o lar da família e são tocados de forma a auxiliar durante o processo de nascimento. A criança por ter se acostumado a escutar os sons em um contexto em que a mãe se sentia bem e relaxada, cria uma memória auditiva. Essa familiaridade sonora pode ajudá-la a se sentir mais calma durante o nascimento. Com a mulher acontece o mesmo. Os diapasões quando tocados sobre o corpo e vértebras da coluna proporcionam um alívio nas dores e um relaxamento muscular. Uma vez que relaxamento é a questão quando se trata de fazer um parto natural.

E acima disso tudo, tem ainda o fator mais sutil e sublime que diz respeito à recepção desse Ser que acaba de entrar na Terra rodeado de cuidado e podendo receber diretamente logo em suas primeiras horas de vida esse "imprint" luminoso que os sons das tigelas de cristal criam nos corpos sutis. Essa é uma experiência inédita no planeta para receber todas essas crianças cristais que estão chegando.

 
PODEROSA FERRAMENTA NO

Desenvolvimento da Criança

A terapia voltada para a criança está baseada no trabalho do Dr. Alfred Tomatis, que foi um otorrinolaringologista, doutor pela Escola de Medicina de Paris e que nas décadas de 50 e 60 começou a desenvolver a base de seu trabalho com Terapia Sonoro dando forma mais tarde ao Método Tomatis, mundialmente conhecido e utilizado por pais e profissionais da saúde. A premissa do Dr. Tomatis era de que nós não podemos vocalizar aquilo que não podemos ouvir. Para ele muitas das disfunções na saúde eram um reflexo do mal funcionamento do aparelho auditivo, e uma vez que este você reabilitado e utilizado em sua capacidade máxima, a disfunção deixaria de existir. O sistema auditivo para além de sua capacidade de perceber os sons é um fino sensor do sistema motor em desenvolvimento na criança. Através do refinamento desse sensor através de timbres, notas, harmônicos, ritmos e melodias, a criança passa a refinar também suas capacidades motores e cognitivas. O trabalho com a Terapia Sonora em crianças promove uma melhora nas capacidade de:

Aprendizagem
manter a atenção e o foco
Estabelecer uma comunicação clara(expressividade)
Leitura
Fortalecimento do aparelho auditivo
Desenvolvimento do sistema motor fino
Refinamento dos sentidos
Relaxamento
Fala e distúrbios da voz

Essa abordagem tem bons resultados em crianças que possuem algum grau de autismo e transtorno do deficit de atenção e hiperatividade (TDAH). No cérebro da criança com TDAH é possível observar altos níveis de ondas cerebrais do tipo Theta e uma baixa em onde do tipo Beta. A falta de atenção, dispersividade como se a criança estivesse desligada do mundo, sonhando acordada está relacionada diretamente aos efeitos da onda Theta. Para poder elevar os níveis de Beta – que está relacionada ao estado desperto da consciência, raciocínio lógico, foco, análise – a criança entra num estado de hiperatividade para manter-se constantemente excitada, combatendo assim os efeitos do excesso de Theta.

As tigelas são ferramentas perfeitas para criação de padrões de frequências do tipo Beta e Gamma. A manipulação dos diapasões que reproduzem cada uma das ondas cerebrais, é feita diretamente sobre a caixa craniana promovendo um input direto de ondas Beta, no caso de crianças com TDAH. O som em meios sólidos viaja muito mais rápido do que no ar. Em um sólido como o diamante sua velocidade é de 12000m/s, 35 vezes mais rápido. Os ossos possuem formas cristalinas exatamente como os cristais de quartzo, logo, ao tocar uma tigela ou diapasão sobre o corpo há um efeito ressonante chamado "bone conduction", conduzindo as vibrações para todo o corpo. Os ossos atuam como transdutores do som o que provoca uma resposta imediata sobre o organismo.

Embora não seja utilizado o Método Tomatis (e todos seus protocolos) durante a sessão, os princípios empregados são os mesmos, já que esse médico foi um grande divulgador da terapia do som, obtendo resultados concretos e por isso, uma fonte de inspiração para o trabalho de Sound Healing realizado pela Eleva.

CASO QUEIRA SABER MAIS SOBRE COMO O SOM PODE AJUDAR
NO DESENVOLVIMENTO SAUDÁVEL DO SEU FILHO, ASSISTA AO VÍDEO ABAIXO:
 
TERAPIA DO SOM

Em Hospitais

Dr. Mitchell Gaynor (ver vídeo) foi um médico oncologista americano que utilizou o poder terapêutico do som, da música e da voz em seus pacientes ajudando-os na recuperação de atos pós-cirurgicos e durante os tratamentos convencionais contra o câncer. A Medicina Integrativa através de sua abordagem complementar busca utilizar terapias alternativas comprovadamente eficazes no tratamento de diversos quadros clínicos. De acordo com um estudo de 2012 publicado no Journal of the American Medical Association, 60% a 80% das visitas de pacientes aos médicos possuem quadros relacionados ao estresse, embora apenas 1 em 3 pacientes recebam tratamento e gerenciamento dos fatores estressores.

 

Outro artigo afirma que o estresse tem papel preponderante no quadro etimológico multifatorial de doenças autoimunes. Mais de 50% das doenças das doenças das doenças são atribuídos à "fatores desconhecidos" e 80% dos pacientes relatam terem tipo algum episódio estressante (principalmente emocional), antes do aparecimento da doença. Sendo o estresse um dos maiores gatilhos para os males da saúde, há que repensar muito antes da doença se instalar. Diminuir o estresse está ligado a fatores tanto externos quanto internos. Realizar mudanças na qualidade de vida seria um dos passos como alimentação, exercícios físicos e rotina de sono regular, porém, quando se trata de fatores internos, aí entra a Terapia Sonora e todas as terapias vibracionais. Pois o desenvolvimento do corpo emocional em harmonicamente integrado (coerência cardíaca) com o corpo mental, irá capacitar a pessoa com estratégias de "coping" onde em uma situação potencialmente estressante, como uma batida de trânsito, ela conseguirá autoregular suas reações emocionais e fazer uso da respiração, auto-observação e empatia, para passar pela situação sem grandes turbulências hormonais.

 

A Terapia Sonora, principalmente no Brasil, tem muito a contribuir nessa aliança entre a medicinal convencional e a medicina vibracional. O Banho Sonoro durante a sessão acaba sendo um banho hormonal também. Esses químicos liberados pelo cérebro (endorfina, serotonina, imunoglobulinas, ocitocina) combatem ativamente a depreciação do sistema imunológico causados pelo cortizol, adrenalina, noradrenalina, ACTH. Por esta razão essa terapia é um ótimo aliado na recuperação de pacientes com quadros de doenças relacionas ao estresse e ansiedade.

A princípio vejo a Terapia Sonora atuando da seguinte forma nos hospitais:

Pacientes terminais ou em coma: possibilitar a criação de uma egrégora amorosa no ambiente de forma que a pessoa desencarnar absolutamente envolta em energias luminosas e elevadas, com beleza e doçura, junto da família e amigos.
Em UTIs neonatais: promover dentro das unidades sons capazes de estimularem o sistema imunológico dos recém-nascidos e seu desenvolvimento saudável além de trazer conforto e relaxamento. Estimular os pais a cantarem para seus filhos enquanto internados.
Em ambulatórios de Medicina Integrativa: estabelecer uma ponte entre as duas abordagens de forma que mais pacientes em diferentes condições clínicas possam usufruir dos benefícios da terapia com o som e que mais profissionais da saúde possam se interessar por pesquisar sobre essa abordagem.
 
ATENDIMENTO

Em Domicílio

Essa modalidade visa atender um público de pessoas que por algum motivo não podem se deslocar até o espaço onde são realizados os atendimentos. Ideal para pessoas:

Idosas
Gestantes com algum tipo de risco
Que estejam em convalescência ou acamadas
Portadoras de deficiência
Que por alguma razão não conseguem se deslocar até o espaço

Esse atendimento está disponível por enquanto, apenas para a grande São Paulo e cidades vizinhas. Alguns instrumentos são transportados até o local da sessão – tigelas, taças, diapasões e tambores – de forma que a sessão contenha todos os elementos que estão presentes no atendimento em consultório particular.

 
O SOM COMO ELEMENTO CATALIZADOR DE

Coesão Grupal

Uma das melhores formas de se trabalhar com o som é no formato grupal. Isso porque a própria energia gerada pelo campo quando as pessoas estão reunidas pelos mesmos objetivos, cria uma ressonância harmônica muito grande potencializando a emissão de energias e o trabalho a ser realizado.

Como linguagem universal o som tem esse poder de atrair as pessoas para dentro de um mesmo ritmo fomentando uma sensação constante de unidade. Em culturas tribais e indígenas é possível ver isso claramente. Os trabalhos cerimoniais envolvem toda a tribo tendo como elementos sintéticos os cantos, a música dos instrumentos e a dança. É um evento de sincronicidade harmônica. 

São muitos os exemplos: em competições de remo há o líder que através de gritos de guerra imprime o ritmo das braçadas dos atletas; as lavadeiras de antigamente que na beira dos rios cantavam e batiam a roupa no ritmo das canções; e talvez a mais sofisticada demonstração de coesão grupal possa ser vista em um concerto de música clássica com a orquestra tocando em perfeita harmonia dirigida pelo maestro. A orquestra é uma bela metáfora que nos ajuda a entender o tema da coesão grupal.

Se você se lembra, quando um sistema entra em ressonância ele é capaz de gerar grandes quantidades de energia com um mínimo de esforço e que qualquer elemento que apresente uma força ressonante mais fraca será "forçada" pelo entrainment a entrar também em ressonância com o conjunto mais forte. Pois bem, este mesmo princípio se aplica à entidades humanas (inclusive células, orgãos, proteínas). Um exemplo disso são os excelentes resultados obtidos pela musicoterapia em pacientes portadores de diferentes graus de autismo, deficiência e depressão, quando são encorajados a participarem em atividades grupais de produção musical ou corais.

A proposta da Eleva em relação a grupos é de mediar e facilitar a coesão grupal a partir das práticas sonoras com os instrumentos de cristal e xamânicos de forma que emerja no campo um Unisom aglutinador e harmônico, sem perder de vista as partes com suas respectivas singularidades, todas interagindo de forma harmônica tal como numa orquestra. Alguns dos trabalhos em grupo que podem ser desenvolvidos são:

Meditação Sonora: em rituais e retiros de autoconhecimento, espaços holísticos & culturais, estúdios de yoga
Crianças: vivência em meditação em escolas infantis, espaços de brincar, colônias de férias
Harmonização de Conflitos: principalmente entre familiares, amigos, casais (invocação do perdão)
Grupos Terapêuticos: alcóolicos anônimos, toxicómanos, psicoterapia grupal, constelação familiar
Instituições: ONGs, CAPS, asilos e casas de repouso, abrigo infantil, centros de apoio
Eventos: casamentos, aniversários, bodas, festivais de música e arte, feiras alternativas

Todas essas possibilidades de inclusão do som como elemento de coesão levará em consideração os objetivos de cada grupo, sem perder de vista que se trata de um trabalho vibracional alinhado com as energias de cura e expansão da consciência humana.

 
LIMPEZA ENERGÉTICA COM O SOM

Para sua Casa

O foco deste trabalho é promover a limpeza e harmonização de espaços. Por limpeza, entenda uma varredura energética que é feita por todo o local, eliminando formas-pensamentos impregnadas em paredes e objetos, energias deletérias, espíritos errantes e qualquer outro tipo de vibração que não seja bem-vinda e não esteja alinhada com os propósitos dos espaço.

Durante a sessão são utilizadas ferramentas vibracionais como os instrumentos de cristal – tigelas, taças, diapasões –, instrumentos xamânicos – tambor, didgeridoo, maraca – cristais e pedras que serão usadas para gradear o espaço de acordo com o feng shui, gráficos de radiestesia para bloquear radiação EMF, linhas Hartmann e Curry, água estruturada composta por óleos essenciais e ervas, defumação com resinas (sálvia branca, olíbano, breuzinho, copal, sangue de dragão, mirra, palo santo, sândalo, etc), vocalização de mantras específicos de várias tradições e uma oração realizada ao final acompanhada de uma meditação sonora para abençoar os local e os proprietários. Esse trabalho é indicado:

Para compra ou aluguel de um imóvel: antes de se mudar é recomendável "resetar" a psicosfera ambiental
Terreno onde será construído o imóvel: em parceria com um geobiólogo todo estudo energético é realizado
Espaços comerciais: empresários começando um negócio novo ou querendo arejar as energias do local
Empresas: em escritórios quando há ruptura de sociedade ou mudança de local
Ambientes sobrecarregados: quando as pessoas sentem que a energia ambiental psíquica precisa ser renovada
queromecuidar@elevaterapia.com.br | agendamentos 11 99677 8728
A SERVIÇO DA BELEZA...
SHANTI OM
  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon